26 de junho de 2015 / Blogueira Mexa-se

large (1)

Oi gente, tudo bem? Acho que todo mundo que me acompanha no blog e em outras redes sociais sabe que eu faço balé há muitos anos, muitas pessoas vem falar comigo, pedindo pra eu contar minha história com a dança e perguntando se tenho alguma dica pra fazer abertura e coisas do tipo… Decidi então fazer esse post pra esclarecer tudo pra vocês!

 

Comecei a fazer balé clássico com 7 anos de idade, em 2015 completo 12 anos de dança, porque minha melhor amiga não queria fazer as aulas sozinha e me pediu muito pra ir com ela. Ninguém (nem eu mesma) dava muito por mim nessas aulas, eu nunca tinha tido nenhum contato com balé e no primeiro ano pareci bem indiferente quanto às aulas.

large

No ano seguinte, por falta de grana aqui em casa, tive que sair da escola de dança que estava. Foi mais ou menos aí que eu vi que gostava muito de dançar e pedi muito pra minha mãe não me deixar sem as aulas. Acabei indo pra uma escola de artes do governo e fiz balé e artes plásticas lá por um ano. Nessa escola estadual de artes, a professora (eu nunca soube o nome dela, sim, sou péssima com nomes) me ajudou muito a crescer na técnica. Como entrei mais velha que a maioria, eu não sabia muitas coisas básicas e ela me ensinou tudo isso (não exatamente da maneira mais delicada).

large (2)

Essa foto é só pra ilustrar como toda bailarina é em público depois de alguns anos de dança hahaha eu mesma tenho várias fotos do tipo

No outro ano, voltei para minha primeira escola e permaneci lá até março de 2015, o lugar acabou fechando. Nessa escola, eu cresci e aprendi praticamente tudo o que eu sei e sou muito agradecida a todas as professoras que me ajudaram nesses 10 anos que fiz aulas lá. Depois do balé clássico, comecei a fazer aulas de jazz e depois fiz aulas de contemporâneo (o estilo que eu mais gosto e me identifico).

Vou mostrar pra vocês vídeos de cada estilo das danças que citei, pra vocês entenderem a diferença entre eles:

Primeiro o balé, que praticamente todo mundo conhece né? Escolhi dois vídeos, o primeiro com partes de ensaios de um grupo e o segundo um solo da minha variação preferida.

Agora o jazz, é um pouco complicado definir porque cada coreógrafo tem um estilo próprio… alguns chegam a se aproximar bastante do street e hip hop. Achei alguns vídeos com coreografias que tem o estilo bem próximo com o que já dancei

Por fim, o contemporâneo, que também varia muito de coreógrafo para coreógrafo. Selecionei dois vídeo:


Gostou do post? Compartilhe com suas amigas e amigos e ajude a espalhar o EA por aí!
INSTAGRAM // TWITTER // FACEBOOK // TUMBLR


Bruna Alecrim

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *